Amora FC – Comunicado 23/03/2018

O Amora Futebol Clube vem por este meio e na sequência dos incidentes ocorridos no passado dia 12 de Novembro, nomeadamente no jogo que opôs o Amora Futebol Clube frente ao Vasco da Gama Atlético Clube, dar para conhecimento aos seus associados e simpatizantes, o teor do despacho do conselho de disciplina referente ao assunto em epígrafe:

“Jogo Nª111.00.043 – Amora F.C x Vasco da Gama A.C

No jogo supra referenciado foi possível a este Conselho apurar os
seguintes factos relativamente ao veiculo da equipa de arbitragem:

1 – O veiculo da equipa de arbitragem foi estacionado no exterior do
Estádio da Medideira, concretamente na Rua da Quinta da Medideira (Cfs.
Relatório da PSP);

2 – Não foi feita vistoria prévia e final do mesmo devidamente
assinado pelo clube visitado e pelos árbitros ao jogo em documento
próprio (Modelo A) (Cf.Relatório de jogo)

3 – Permaneceu no mesmo local até ao final do jogo;

4 -O referido veiculo não apresentava danos quando foi estacionado
nesse local (Cfr. Relatório da PSP);

5 -O referido veiculo apresentava danos no final do jogo (Cfr.
Relatório da PSP);

Não foi possível a este Conselho apurar:

* As instruções que foram dadas pelos Directores do clube visitado à
equipa de arbitragem sobre o local onde deveria ficar o veiculo,
nomeadamente no interior ou exterior do Estádio da Medideira:
* Um único local onde ficaram os veículos das equipas de arbitragem
nas jornadas que antecederam este jogo;
* A responsabilidade pelos danos no veiculo da equipa de arbitragem

Nestes termos, não se tendo apurado no caso _sub judice _a
responsabilidade pelos danos no veiculo da equipa de arbitragem e não
tendo sido feita vistoria prévia e final ao mesmo devidamente assinado
pelo clube visitado e pelos árbitros ao jogo em documento próprio
(Modelo A), o clube visitado não é responsável pela indemnização
art.158.A ( _a contrario sensu_) do Regulamento Disciplinar”

Face ao exposto, o Amora Futebol Clube congratula-se com a decisão tomada pelo Conselho de Disciplina da Associação de Futebol de Setúbal, tendo cumprido sempre com a premissa estabelecida no comunicado de 22/11/2017 de garantir serenidade às entidades competentes e não abordando o tema publicamente, por forma a não contribuir para um clima de desestabilização.

Viva o Amora Futebol Clube!

Luís Miguel Gonçalves

Director Comunicação – Amora FC