Amora FC 2 – 1 CD Pinhalnovense (Seniores) – Amora vence nos últimos minutos!

Este domingo, o Amora Futebol Clube recebeu e venceu, por 2-1, a equipa do Clube Desportivo Pinhalnovense, em jogo a contar para a 22ª jornada da Série D do Campeonato de Portugal.

Num jogo que começou algo lento, Johnson ainda assustou com um remate de longe, mas foi o principal lance de perigo por parte do Amora. O Pinhalnovense controlava a posse de bola, mas não conseguia criar oportunidades de golos. O jogo disputava-se bastante a meio campo, sem nenhuma das equipas a dominar, mas foi o Amora que conseguiu quebrar o enguiço. À passagem do minuto 30, Bruno Langa cruzou “de régua e esquadro” para a cabeça de Joca que “penteou” a bola para fazer o primeiro da partida e levar ao delírio os adeptos Amorenses que se deslocaram ao Estádio da Medideira. Foi o principal lance de perigo da primeira parte que foi para o intervalo com a vantagem do Amora por 1-0.

A segunda parte foi diferente. O Pinhalnovense entrou mais concentrado e dominador, controlando a posse de bola e impedindo o Amora de construir jogo. A equipa visitante ia-se aproximando da baliza defendida por Patrick e começava a ameaçar o empate. Na tentativa de chegar ao golo, o treinador Luís Manuel lançou o avançado ex-Amora, Diogo Tavares, jogando com dois avançados, uma jogada que se revelou certeira. À passagem do minuto 80, Diogo Tavares recebeu uma bola “pingada” para as costas da defesa amorense, e levou a que o guarda-redes Patrick numa saída aos pés de Diogo, visse o árbitro assinalar grande penalidade, que o avançado brasileiro, Diego Zaporo, marcou com tranquilidade, fazendo assim o empate na partida e o seu 15º golo da época.

Nas bancadas temia-se o pior. A equipa do Pinhalnovense continuava a pressionar, na tentativa de chegar à vitória, e a defesa amorense parecia poder tremer. Contudo, aos 90 minutos quando já ninguém esperava, Joca cruzou uma bola muito alta para o 2º poste onde apareceu Rúben Fidalgo que foi derrubado em falta. O árbitro apontou para a marca de grande penalidade e expulsou o defesa João Pinto. Joca assumiu a responsabilidade e bateu forte para o fundo da baliza, levando ao delírio as centenas de adeptos amorenses presentes na Medideira.

A partida acabou assim 2-1 favorável ao Amora, que mantém assim o 5º lugar na classificação, a apenas um ponto do 4º classificado Casa Pia, que perdeu nesta jornada por 2-0 frente ao SC Praiense.

No próximo domingo, o Amora Futebol Clube desloca-se a Loulé para defrontar o Louletano Desportos Clube, em jogo a contar para a 23ª jornada da Série D do Campeonato de Portugal.

 

Viva o Amora Futebol Clube!

Direcção de Comunicação – Amora FC