shopping-bag 0
Itens : 0
Subtotal : 0.00
Ver Carrinho Finalizar

SG Sacavenense 2 – 0 Amora FC (Seniores) – Amora volta a perder e vê o playoff fugir!

Jogo fulcral esta quinta-feira entre Sport Grupo Sacavenense e Amora Futebol Clube, na reposição da partida referente à 27ª jornada da Série D do Campeonato de Portugal, com as duas equipas a necessitarem de pontos para atingirem os seus objectivos.

Se por um lado o Sacavenense precisava da vitória para se afastar o máximo possível da zona de despromoção, o Amora podia, em caso de vitória, aproximar-se novamente do topo da tabela e ainda tentar colocar pressão e atingir o segundo lugar do campeonato.

Antevia-se uma partida característica por parte da equipa de Pedro Russiano. No entanto, assistiu-se a tudo menos isso.

O jogo começou preso. Ambas as equipas se estudavam e não arriscavam com medo de sofrer o primeiro golpe que pudesse decidir a partida. Contudo, como diz o ditado: “Quem não arrisca, não petisca”, e quem arriscou primeiro foi a equipa da casa por intermédio de Iaquinta, que permitiu que Mota fizesse o primeiro remate do jogo.

O Amora respondeu através de uma jogada colectiva que começou com Chico Gomes a passar para Leo Tomé que cruzou para Jussane que foi incapaz de finalizar. Esperava-se assim um aumento na intensidade e emoção do jogo por parte das duas equipas, mas foi o Sacavenense que voltou a aumentar a pressão. Explorando o seu corredor direito, Chico Gomes ia sendo incapaz de travar o pendor ofensivo da equipa de Sacavém que ia coleccionando ataques defendidos ora pelo guarda-redes Rui Nibra, ora pelos defesas amorenses.

O resultado não sofreria alterações e assim ao intervalo o marcador assinalava uma igualdade a zero.

O segundo tempo começou de forma semelhante. O Sacavenense voltou a dar o primeiro sinal de perigo e mesmo com o reforço defensivo feito por Pedro Russiano, a equipa da casa chegou mesmo à liderança no marcador à passagem do minuto 60. Bruno Saraiva entrou na área e foi derrubado por Édi. Diogo Martins assumiu a marcação da grande penalidade e marcou, fazendo assim o primeiro golo da partida. A equipa não tirou o pé do acelerador e continuou a pressionar e podia ter chegado ao 2-0 em várias ocasiões.

Aos 75 minutos Luís Elói foi rasteirado por Bruno Saraiva que recebeu ordem de expulsão, deixando assim o Sacavenense com menos um atleta durante quinze minutos, numa altura em que se esperava forte pressão amorense. O médio Christophe assumiu a marcação do livre e esteve perto de fazer o empate, mas no minuto seguinte foi a vez de Édi receber cartão vermelho depois de fazer uma falta a impedir que o Sacavenense saísse a jogar.

As duas equipas ficavam assim novamente em igualdade numérica e aos 85 minutos Ivo Brás deu a fechou o resultado, fazendo o 2-0 depois de uma boa jogada individual e dando a “machadada final” na equipa amorense, que perdeu assim 2-0 e viu as suas esperanças de ainda atingir o segundo lugar esfumarem-se.

No próximo fim de semana o Amora Futebol Clube vai receber o Sporting Clube Ideal em jogo a contar para a 32ª jornada da Série D do Campeonato de Portugal.

 

Viva o Amora Futebol Clube!

Direcção de Comunicação – Amora FC

Deixar Resposta